quarta-feira, 25 de maio de 2011

A virgem e o pecado

‎«Estou a acostumar-me com a ideia de considerar 
cada ato sexual como um processo em que, no mínimo, 
quatro pessoas estão sempre envolvidas»
S. Freud



— Pare, pare...
— Ahn?
— Pare!
— Porquê?
— Não dá.
— Não dá? Porquê?
— Não sei...
— É por causa do falecido?
— Não! Aqui em sua casa não há problema.
— Então não entendo.
— Pois, é estranho.
— Logo hoje que tomei precauções...
— Tomou?
— Tomei. Não nota?
— Sim. Noto-o mais animado.
— Pois...
Alguns segundos em silêncio.
— Acho que sei.
— Acha?
— Acho que sim...
— Então, qual é o problema?
— Aquela estátua.
— Qual estátua?
— A da virgem.
— Que é que tem?
— Lembra-me que estamos em pecado.
— Mas na nossa idade deus perdoa!
— O problema não é deus.
— Não?
— Não. É a virgem.
— Porquê?
— Sou muito devota!
— Ah...
— Pode tirá-la dali?
— Infelizmente não.
— Não?! Porquê?
— Prometi à falecida.
— Promessa séria?
— Sim, no leito de morte.
— Ah, então não pode quebrar a promessa.
Alguns segundos em silêncio.
— Vamos para a sala?
— Na sala?!
— Sim, no sofá.
— E a minha ciática?
— Ah, pois é...
— Já não temos idade para isso!
— Pois...
Alguns segundos em silêncio.
— Acho que tenho a solução!
— Tem?
— Acho que sim.
Ele levantou-se da cama e colocou a primeira peça de roupa que encontrou a tapar a cabeça da virgem.
— Agora já dá?
— Não sei, vamos tentar.
— Vamos!
— Mas em silêncio, por favor!
— E de joelhos?

4 comentários:

  1. Olá, o engraçado para um brasileiro, não tão consciente dos pronomes, é a colocação correta do pronome,
    "noto-o"
    numa hora destas!!!!

    ResponderEliminar
  2. Ajoelhou tem que rezar!

    Como sói dizer-se.... :)

    ResponderEliminar
  3. "noto-o" pode ser traduzido para português do Brasil como "noto ele" ou "noto você". Deixo a tradução apropriada a cargo da imaginação de quem lê :)

    ResponderEliminar
  4. Caro Anónimo brasileiro, essas coisas saem-nos naturalmente. Mesmo numa hora destas ;)

    Realmente, com uma santa a observar...

    ResponderEliminar